óculos

Mal toca o despertador.
Óculos de grau.
Ufa! Ainda é a terceira soneca.
Passados alguns minutos, óculos de sol, que não por acaso também possuem lentes corretivas.
Diferentes meios de transporte e elevadores depois, óculos de grau. De novo.
Antirreflexo. É melhor pra quem trabalha em frente ao computador.
Meio dia e vinte e três. Hora dos óculos de natação.
Após o cansaço vem a substituição.
Saem as lentes de plásticos e entram novamente as de policarbonato.
Estes permanecem em posição até o fim do dia, salvo algum lampejo de euforia.
Um choro de felicidade.
Ou de desespero.
Quando as duas mãos encontram a face e empurram o acessório acima das sobrancelhas.
A visão turva ajuda a esquecer. Ou a criar uma falsa bolha protetora.
Exceções à parte, a armação preta fosca só deixa o rosto após uma partida de FIFA
> um episódio de série
> uns capítulos daquele livro esquecido na cabeceira.
E ao confirmar se o alarme está ativo.

5 motivos para você visitar o Sudão do Sul.

Se você está cansado dos roteiros de viagens comuns, este post é pra você. Confira aqui 5 motivos pra você sair da rota tradicional e conhecer de perto o que o Sudão do Sul, país localizado na região nordeste da África, tem de melhor.

 

1: Condições de vida deploráveis.

Quando você visitar o Sudão do Sul, não deixe de conhecer Malakal, a segunda maior cidade do país. As condições de vida lá são tão precárias que é comum você encontrar diversos locais que são um verdadeiro lixão a céu aberto.

2: campo de proteção civil da ONU.

07-24-2015Juba_POCReduto de pessoas doentes e que estão em risco de vida iminente. Este é o Poc (sigla em inglês do Campo de Proteção Civil da ONU), um destino inesquecível, que tem que fazer parte do seu roteiro e que vai marcar a sua viagem para sempre.

 

3: Cenário de Guerra.

sudan-rebel-aid_franA guerra civil entre facções já criou um ambiente propício para quem quer conhecer a guerra de perto. Vale muito a pena, porque a chance de você se encontrar no meio de um embate é realmente muito grande.

4: Pneumonia e Malária.

É sempre msf157051_smallchato quando não podemos trazer nada do lugar em que visitamos, não é mesmo? E este é, na opinião deste blog, um dos pontos fortes do Sudão do Sul. Afinal, as chances de você voltar pra casa com Pneumonia ou Malária é muito grande. Isso, se você voltar.

 

5: Você não quer ir ao Sudão do Sul. Mas tem gente que quer.

Os Médicos Sem Fronteiras já estão atuando e levando assistência médica às pessoas que sofrem com os conflitos no Sudão do Sul e em outros países do mundo. Mas para que este trabalho continue, a sua doação é muito importante. Acesse msf.org.br e ajude os Médicos Sem Fronteiras a estarem onde ninguém quer estar.

 

A bonita e a feia.

Tem gente que, na balada, prefere ir direto na feia. E vai porque sabe que é mais difícil rolar com a bonita, aquela que encanta a todos.

Afinal, tá mais fácil. É garantido. Sem erro.

O problema disso todo mundo sabe. Não dá pra espalhar por aí, nem sair contando vantagem. Mostrar pros amigos? Nem pensar.

Mas, e a bonita?

Ah, não. Dá muito trabalho, requer muitas habilidades e também um pouco de sorte. Sem falar que ainda tem o risco de acabar a noite sozinho, ou pior, com uma feia.