A morte não morrida.

Dizem que foi dormir em uma noite normal e acordou morto.

⁃ Não morto, morto. Até porque quem morre de morte morrida não acorda –

Mas morto de sentimento. De palavras, carinhos e sorrisos. Quase como se estivesse velando a si próprio. Assistindo sem culpa aos seus sonhos sem vida e gélidos ali, prestes a serem enterrados a muito mais que 7 palmos do chão, sem dó.

⁃ Nem ré sustenido e muito menos um si bemol –

Foi dormir e acordou morto. É o que dizem.
Não ressuscitou.

⁃ Nem no terceiro dia, nem no quinto e também não na missa de sétimo dia –

Acordou morto.
E o que dizem é que nunca vai acordar vivo de novo. Pelo menos não até que digam o contrário. Ou até o dia em que o que os outros disserem não faça mais diferença. Até que palavras alheias não matem a sua essência.
Acordou.

Acordou?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s